Partilhar

O 4º Monumento da época está à porta, neste caso, a 103ª edição da Liège – Bastogne – Liège. 258 quilómetros que serão iniciados com um minuto de silêncio a Michele Scarponi. A Astana marcará presença e tentará honrar a memória do seu ciclista.

Scarponi faleceu no dia de hoje.

Estarão seisportugueses em prova, Ruben Guerreiro e André Cardoso (Trek – Segafredo), José Gonçalves e Tiago Machado (Katusha – Alpecin), José Mendes (Bora – Hangrohe) e Rui Costa (Team UAE Emirates). Destes, os últimos dois estão em bom plano e poderão aspirar a intrometer-se na luta pelos lugares cimeiros. O vencedor da edição transacta não estará presente devido a lesão, mas a equipa Sky terá em Michal Kwiatkowski um bom substituto para Wout Poels. Alejandro Valverde (Movistar Team), vencedor em 2008 e 2015, parte como favorito, a par de Daniel Martin (Quick Step – Floors), Michael Albasini (Orica Scott) e Rigoberto Uran (Cannodale – Drapac).

Lista de participantes.

Quanto ao percurso, destaca-se a ausência do trio de subidas históricas, Côte de Wanne, Cote de Stockeu e Cote de la Haut Levée. Mas desengane-se que esta edição é mais fácil que as anteriores. A entrada das subidas Cote du Pont (km 168), Cote de Bellevaux (km 172) e Cote de la Ferme Libert (km 180) prometem fazer uma selecção do pelotão, numa corrida que deverá começar a ser decidida no Côte de la Redoute, a 35 km’s do fim. Côte de La Roche-aux-Faucons (1.1km a 11%) será a última dificuldade do dia antes da chegada a Ans, que é feita em ligeira subida.

Perfil da Clássica.

Prova para ser acompanhada a partir das 13:15h na Eurosport com Luís Piçarra, Paulo Martins e Olivier Bonamici.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here