Partilhar

Entre 23 e 26 de Fevereiro decorreu a 3ª edição da Volta a Abu Dhabi, desta vez no início do ano em vez de ser a prova a fechar o calendário, muito por conta de este ano constar ser prova UCI World Tour.

A prova reuniu as maiores estrelas do pelotão mundial, muito face ao dinheiro envolvido na prova. A estrutura desta manteve-se, duas etapas planas, uma etapa com chegada em alto e a última etapa no decorrer da noite, no circuito Yas Marina, muita na linha do que acontece no Grande Prémio de Fórmula 1. A primeira etapa foi ganha ao sprint por Mark Cavendish (Dimension Data) e a 2ª por Marcel Kittel (Quick Step – Floors) para aprendizagem de Caleb Ewan (Orica – Scott), que levantou os braços antes de tempo.

Ewan levantou os braços cedo demais e pago caro.

A etapa-rainha da prova seleccionou valores. Como esperado, um grupo de super-estrelas formou-se, onde se demarcaram entre si. Ilnur Zakarin (Team Katusha – Alpecin) e Rui Costa (UAE Team Emirates) aproveitaram esta situação e o português acabou mesmo por vencer a prova face ao rússo. Para traz ficaram nomes como Bauke Mollema (Trek – Segafredo), Fabio Aru (Astana Pro Team), Nairo Quintana (Movistar Team), entre outros.

Enorme vitória de Rui Costa!

A etapa de consagração para Rui Costa conteve um enorme dilúvio ao longo de todo o circuito de Yas Marina. No final, Caleb Ewan reergue-se do erro à 2ª jornada e bateu Mark Cavendish e André Greipel (Lotto – Soudal), respectivamente. A vitória final ficou a cargo do português da UAE Team Emirates.

O português tornou-se o vencedor final da 3ª edição da prova.

Olhemos, por fim, ao top-10 final. Como verificamos, constituído somente por nomes maiores do ciclismo actual, excepção feita a George Bennett (Team LottoNL – Jumbo) e Patrick Konrad (Bora – Hangrohe). Ilnur Zakarin e Tom Dumoulin (Team SunWeb) acompanharam Rui Costa no pódio final, respectivamente.

Top-10 final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here