Partilhar

Após uma primeira selecção com a ascensão ao Alto da Fóia, o contra-relógio individual em Lagoa, com a extensão de 20,3 quilómetros, prometia definir os verdadeiros potenciais vencedores da 44ª edição da “Algarvia”.

O perfil do esforço individual era maioritariamente plano, com algumas oscilações entre o 1º e o 2º ponto de referência.

Perfil da etapa.

Tal como tínhamos antevisto, Geraint Thomas (Sky) fez jus à sua condição de favorito para este 3º dia e venceu a jornada, mantendo-se na liderança da prova. O britânico completou o esforço individual em 24:09 minutos e usufruiu agora de 22 segundos de vantagem à geral sob o seu colega de equipa, Michal Kwiatkowski, que foi 4º no dia de hoje.

Geraint Thomas durante o percurso em Lagoa.

Nelson Oliveira (Movistar Team) esteve em grande plano, fixando o mesmo tempo do polaco da Sky e subindo ao 3º posto da geral. André Carvalho (Liberty Seguros – Carglass), atleta patrocinado, foi 113º e é agora 61º à geral.

Richie Porte (BMC Racing) foi a desilusão do dia, não indo além do 48º tempo. Esperava-se igualmente mais de Tony Martin (Team Katusha – Alpecin), enquanto o seu colega de equipa, José Gonçalves, deixou boas indicações com o 16º tempo.

Top-20 da geral individual.

A 4ª etapa é reservada aos homens mais rápidos, partindo Dylan Groenewegen (LottoNL – Jumbo) como favorito à partida, com Arnaud Démare (FDJ) à espreita. Etapa para acompanhar a partir das 16h no Eurosport II com Luís Piçarra, Paulo Martins (em directo de Tavira) e Olivier Bonamici.

Perfil da etapa 4.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here