Partilhar

Os 173,5 quilómetros entre Faro e o Alto do Malhão prometiam fechar as contas da 44ª edição da Volta ao Algarve, quanto mais não fosse, por ser a última jornada.

À espera dos ciclistas estava um percurso difícil, especialmente a partir da Picota, com duas passagens pelo Malhão separadas pela ascensão a Vermelhos.

A partida em Faro.

As contas da corrida depressa começaram a ser baralhadas com uma fuga de 31 ciclistas logo ao 15º quilómetro. Na fuga inseriram-se nomes como Tony Martin (Katusha), Philippe Gilbert e Zdeněk Štybar (Quick-Step Floors), Arnaud Démare (FDJ), Ruben Guerreiro (Trek – Segafredo) e Michal Kwiatkowski (Team Sky). O polaco era o melhor classificado dos elementos da fuga, estando no 2º lugar da geral, atrás do seu colega de equipa Geraint Thomas.

A extensa fuga do dia.

Pouco depois da Picota, Ruben Guerreiro tentou mexer na corrida, mas depressa o grupo se reagrupou. A 40 quilómetros do fim Lukas Pöstlberger (Bora – Hansgrohe) tentou a sua sorte, juntando-se Zdenek Stybar (Quick – Step – Floors) ao austríaco quilómetros mais adiante. Antes da 2ª ascensão ao Malhão o checo ficou isolado, enquanto o pelotão já estava longe demais para alcançar os fugitivos, que com o passar das dificuldades foram sendo progressivamente menos.

Momento em que Stybar se isolou na jornada.

No início da 2ª subida ao Malhão,  Davide Cimolai (FDJ) atacou, abrindo hostilidades pata o contra-ataque de Michal Kwiatkowski. O polaco depressa ultrapassou Stybar, enquanto Ruben Guerreiro saltava do grupo de fugitivos, em busca da vitória na etapa.

Michal rumo à vitória na etapa, na geral e nos pontos.

Michal Kwiatkowski venceu a etapa, a classificação geral e a camisola por pontos, com Ruben Guerreiro a fechar a jornada em 2º. Serge Pauwels (Dimenson Data) completou o pódio da jornada.

O imenso público aplaudiu Ruben à chegada.

O reduzido pelotão chegou com cerca de 2 minutos de atraso, ainda a tempo de Geraint Thomas ficar no 2º lugar da prova. Tejay van Garderen (BMC) completou o pódio desta edição, com Nelson Oliveira (Movistar Team) em 10º e Vicente Garcia de Mateos a ser o 1º ciclista de equipas portuguesas (Aviludo – Louletano), no 17º lugar. Ben King (Dimension Data) conquistou a Camisola da Montanha e Sam Oomen (Team SunWeb) a juventude, com André Carvalho (Liberty Seguros – Carglass) em 2º nessa classificação, fechando a geral em 51º.

Top-20 final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here