Partilhar

O fim-de-semana de arranque das clássicas ficou completo com a Kuurne-Brussels-Kuurne e a corrida começou com sete corajosos a lançarem-se para a frente, mas o pelotão, controlado pela Quick – Step não permitiu que a diferença passasse dos dois minutos.

Um dos momentos capitais da prova foi a passagem pelo mítico Oude Kwaremont a cerca de 85km da meta, onde Yves Lampaert (Quick – Step) atacou, formando um grupo de 21 ciclistas na frente, com nomes como Arnaud Démare (FDJ), Greg van Avermaet (BMC) ou Matteo Trentin (Mitchelton).

Lampaert em grande forma.

O segundo grupo seguia a cerca de um minuto, liderado pela LottoNL – Jumbo. Com ataques, quedas e problemas mecânicos a fraccionarem este grupo, apenas conseguiram a junção a cerca de 18km do fim.

Num sprint bem lançado, Démare arrancou bem, mas quando Dylan Groenewegen (LottoNL – Jumbo) saiu da sua roda não deu hipótese a ninguém e conquistou a quarta vitória do ano. Sonny Colbrelli (Bahrain-Merida) fechou o pódio.

Sprint imparável do holandês.

Eis o top-10:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here