Partilhar

E finalmente chegou! A época das clássicas está finalmente aqui e é com a Omloop Het Nieuwsblad que tudo começa. Rapidamente se formou a tradicional fuga do dia, que contou com 10 ciclistas que tiveram uma vantagem máxima de cinco minutos.

Sem nomes como Peter Sagan (Bora – Hansgrohe), John Degenkolb (Trek – Segafredo) ou Alexander Kristoff (UAE Team Emirates) no fim-de-semana inicial das clássicas, foram os belgas a assumir o controlo. Philippe Gilbert e Zdenek Stybar (Quick – Step) lançaram-se para a frente e levaram consigo Greg van Avermaet (BMC) e Oliver Naesen (AG2R La Mondiale).

Gilbert mostra-se em boa forma.

No entanto, juntaram-se mais corredores e a decisão ficou para o Muur van Geraardsbergen. Sep Vanmarcke (EF Education First) tentou a sua sorte, mas o grupo conseguiu ficar junto e adivinhava-se uma chegada ao sprint. Michael Valgren (Astana) não quis que isso acontecesse e atacou à passagem da flame rouge e ninguém lhe respondeu.

Excelente ataque do dinamarquês.

O ciclista da Astana chegou à meta isolado e deu mais uma vitória aos cazaques, que têm sido uma das equipas em melhor forma neste início de temporada. Lukasz Wisniowski (Sky) e Sep Vanmarcke (EF Education First) saltaram do mesmo grupo para o segundo e terceiro lugares, respectivamente.

Eis o top-10 da prova:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here