Partilhar

Tony Martin, ciclista alemão, recuperou o título de melhor ciclista no esforço individual. O alemão que já tinha sido Campeão do Mundo de Contra-Relógio nos anos 2011, 2012 e 2013 conseguiu assim o seu quarto título igualando Fabian Cancellara. Ao completar os 40 quilómetros em 44min e 42s a locomotiva germânica superiorizou-se ao bielorrusso Vasil Kiryienka, enquanto o espanhol Jonathan Castroviejo foi terceiro.

O pódio final das elites masculinas.

Nélson Oliveira cumpriu os 40 quilómetros do traçado em 47.18,59 minutos, mais 2.35,60 do que Tony Martin.

O português em acção.

De notar que por equipas a Etixx – Quick Step foi a vencedora. Em sub-23 a vitória foi para Marco Mathias, compatriota de Tony Martin. Em júniores, Brandon Mcnulty (Estados Unidos) ergueu o ouro. Na vertente feminina, a Boels – Dolmans Cycling Team venceu por equipas, Amber Neben (Estados Unidos) em elites e Karlijn Swinkels (Holanda) em júniores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here